Dracul: A origem de um monstro

Publicado por 18.2.19


Sinopse: Todas as lendas têm um começo, e por trás de toda história escrita há uma verdade: o manuscrito proibido da edição original de Drácula, de Bram Stoker. O manuscrito original de Drácula, um dos maiores clássicos de horror da literatura mundial, tinha mais páginas que a versão que viria a ser publicada. Considerado "sombrio e assustador demais" para os leitores da época, um trecho foi suprimido, contra a vontade do autor. Essa primeira parte do livro nunca foi divulgada e, ao longo dos anos, apenas alguns poucos leitores selecionados tiveram acesso a ela. O atual responsável pelo espólio de Stoker, Dacre, e o escritor e roteirista J. D. Barker (Forsaken) acharam que estava na hora de contar essa história. Edição autorizada pelo espólio de Bram Stoker. Em 1868, um rapaz teve um encontro assustador com uma criatura diabólica.Armado com nada mais que uma espingarda velha e algumas relíquias sagradas, o então jovem de 22 anos foi capaz de manter aquela figura, a própria encarnação do mal, presa em uma antiga torre. O encontro durou apenas uma noite, e aquela foi a mais longa noite da vida de Bram Stoker. Durante as horas de desespero, Stoker fez um apanhado de sua vida, relembrando os momentos que o levaram até ali: a infância enferma, uma babá misteriosa, as histórias de terror que ele ouvia. Enquanto isso, era tentado, provocado incessantemente pela criatura maligna, que pretendia enganá-lo para voltar à liberdade. Mas Bram deve mantê-la ali, caso pretenda sobreviver até a alvorada.
Autor(a): Dacre Stoker e J.D. Barker | Editora: Planeta | Páginas: 432 | Ano: 2018

Bram Stoker era um menino doente, frágil e que queria ter uma vida normal como a de seus irmãos que esbanjavam saúde e liberdade. Sua doença o impedia de brincar como tantos outros garotos de sua idade, seu longo período acamado ou simplesmente isolado em seu quarto lhe cansavam, ao mesmo tempo em que lhe permitiam ter tempo para aprender a se atentar aos detalhes.

Apesar do cuidado zeloso de sua mãe e da babá da família, Ellen, o jovem vivia uma constante oscilação de sua saúde, tendo diversos momentos em que se vê diante da morte, porém tudo muda após quase ser levado por sua doença. Todos acreditaram que o tratamento utilizado por seu tio foi o responsável por sua cura, porém ele sabe que o que aconteceu naquela noite é mais complexo do que aparenta ser. A sua possível cura veio de algo sobrenatural, algo que com certeza não consegue explicar.


" - A babá Ellen trouxe você de volta dos Portões do Inferno noite passada e o resgatou do toque do Demônio. Disso tenho certeza."

A partir desta cura milagrosa Bram e sua irmã Matilda começam a investigar o que há de estranho na casa e na vizinhança. Ambos acreditam que a babá está escondendo algo, porém nem mesmo a criatividade e a mente fértil de duas crianças são capazes de adivinhar o que Ellen estava escondendo.


" - Você está sentado aí, um adulto, por minha causa, Bram. Você sabe disso, certo? Eu podia tê-lo deixado morrer naquela noite, mas não fiz isso. Eu vi o mal que o seu tio feiticeiro estava conjurando e interferi para impedir que sua mãe e seu pai fossem amaldiçoados. Você não tem ideia do tipo de problema que isso me causou, tem?"


Quando se pensa em Drácula quais são as primeiras coisas que surgem na sua cabeça? Vampiro, sobrenatural, crueldade, pactos, etc? Bom e se eu lhe disser que talvez a brilhanta história escrita por Bram Stoker não é uma mera ficção?

Este livro se propõe a mostrar uma parte da história do famoso autor que nunca foi contada. Não se trata de uma biografia, tão pouco podemos acreditar em todas as palavras que estas páginas contêm, mas a forma como se desenvolve acaba instigando o leitor a querer saber mais.

O leitor irá se deparar com uma nova história sobre algo antigo, permitindo a criação de uma nova versão para a origem deste personagem tão conhecido. Esqueça Vlad, o empalador, e permita-se conhecer o início de tudo, ou ao menos o começo do contato de Stoker com o seu personagem.


" - Meus homens receberam ordens para enterrar cada um dos pedaços em um cemitério diferente, para nunca serem encontrados. O corpo dele nunca morrerá. A alma dele sofrerá pela eternidade como membro da legião dos mortos-vivos."

A forma como o livro foi construído permite que o leitor tenha uma perspectiva mais completa sobre os acontecimentos, pois explora o relato e observação de diversos personagens, então esteja pronto para ler cartas de Matilda, diário de Ellen, medos de curiosidades de Bram, entre outros.

Ao utilizar diversos elementos sobrenaturais e inserir de forma tão intensa e sombria seres que já foram amplamente explorados, os autores resgataram nesta obra uma história de vampiro "raiz", digna de prender o leitor e deixá-lo angustiado com o que está por vir.




10 comentários

Comentários
10 Comentários
  1. Não conhecia essa obra, já me interessou bastante so pela sinopse, e depois de ler sua resenha já adicionei na minha listinha. Obrigada pela dica. Adorei.

    Beijos,
    Letícia do Garota Perdida nos Livros.

    ResponderExcluir
  2. oi!
    O livro nos deixa muito curiosos sobre de onde tudo surgiu,recomendo demais o livro para os amantes de vampiros como eu :D

    ResponderExcluir
  3. Confesso que não é meu estilo literário....só de ler aqui o resumo já me deu um certo medo rs

    ResponderExcluir
  4. Não é meu estilo literário,mas adorei... sua resenha me chamou atenção por ser uma história diferente da conhecida, eu já imaginei ao ler o título aquela criatura dos filmes da sessão da tarde. Adoraria ler!

    ResponderExcluir
  5. Uau parece um livro muito bom eu gostei da sinopse

    ResponderExcluir
  6. Oi Alessandra, como vai?
    Já li esse livro e amei. Fiquei super curiosa por ler sua resenha e, confesso que superou minhas expectativas. Super completa e muito bem escrita
    Um livro que recomendo a quem, como eu, ama o mundo dos vampiros.
    Um beijinho

    ResponderExcluir
  7. Enquanto eu lia a sinopse me deu medo kkkk. Não é um gênero que eu goste de ler, mas confesso que sua resenha me despertou o interesse. Agora não sei o que eu faço: leio e fico com medo ou não leio e fico curiosa kkkkk

    ResponderExcluir
  8. Nao conheço esse livro, mas adoro suas resenhas

    ResponderExcluir
  9. Esse livro parece ser bem interessante, gostei bastante da resenha. bjs

    ResponderExcluir
  10. Não gosto muito da temática vampiresca, mas sua resenha está excelente como sempre
    Gostei, muito legal!
    Blog ArroJada Mix|Blog Prosa e Texto|Blog Vapor da Cozinha

    ResponderExcluir