Aparelho sexual e cia

Publicado por 10.10.18


Sinopse: Geralmente, os adolescentes de nove a quatorze anos (ou pré-adolescentes, que sejam!) sabem menos sobre amor e sexo, e todas as questões que esses temas envolvem, do que os adultos acreditam. Como é estar apaixonado? Como se beija na boca? Por que crescem pelos e espinhas pelo corpo durante a puberdade? O que é masturbação? Como nascem os bebês?Essas e muitas outras questões são explicadas neste guia, com bastante humor mas também com sólida base pedagógica,
rigor científico e delicadeza. Inspirado nas aventuras do personagem de histórias em quadrinhos Titeuf — sucesso absoluto na Europa, com onze livros publicados, que venderam mais de dezesseis milhões de exemplares — , Aparelho sexual e cia. traz o humor das tiras do personagem, que aparecem espalhadas pelas páginas do guia, complementando as explicações e deixando a leitura mais leve.
Autor(a): ZEP e Hélène Bruller | Editora: Seguinte | Páginas: 96 | Ano: 2007

Este livro ganhou espaço nas rodas de conversa e nas discussões pelas redes sociais após um candidato à presidência tê-lo mostrado como parte de um suposto "kit gay".

Sou movida pela curiosidade, então não poderia deixar de lê-lo para poder construir minha própria opinião a respeito. Não sou do tipo que compra ideias prontas e sai reproduzindo, ainda mais quando o assunto envolve livros (minha paixão nada secreta).


Quando iniciei a leitura logo lembrei das revistas adolescentes que eu lia, com aquelas dicas sobre namoro, beijo, romance e outras coisinhas que minhas amigas e eu tínhamos vergonha de perguntar para nossas mães. Confesso que não entendi muito bem o burburinho causado em cima desta obra, já vi coisas bem piores na minha adolescência.

Através de uma linguagem simples, descontraída e adequada ao público a que se dirige, o livro segue um bom caminho em direção à informação. Calma, não é um manual do Kama sutra, mas sim um dentre tantos outros materiais que visam proporcionar aos jovens o conhecimento necessário sobre seu corpo, o respeito ao do outro e a importância em reconhecer situações de abuso.


Isso mesmo, nesta obra há uma seção que explora de forma direta e sem enfeites sobre formas de se proteger, tanto de doenças quanto de pessoas más intencionadas.

Vivemos uma realidade onde os adolescentes estão rodeados de informações, mas não as absorvem por não parecem interessantes ou simplesmente por não chegarem a eles. Não sou do tipo que generaliza, então preciso sempre pensar naquele jovem que não tem um bom relacionamento com os pais, ou que passa horas na internet, mas nenhuma é realmente produtiva, ou pior, aquele que sofre abuso daqueles que deveriam lhe proteger.


Você, pessoa adulta e já com uma bagagem, pode não se interessar pela forma como o conhecimento é passado através destas páginas, mas é preciso considerar que talvez algumas pessoas menos experientes estejam realmente necessitando deste tipo de livro.

Não se trata de um manual completo e aprofundado, mas aborda de forma divertida as dúvidas que pipocam na cabeça do adolescente.



10 comentários

Comentários
10 Comentários
  1. Wow! I really appreciate the fact that you have written on topic and made it so clear, it is a different topic and very less people can write in a manner that everything gets clear. Also, I love the layout of your page and the images used are very attractive. Quicken support phone number
    QuickBooks Payroll Support Phone Number
    Quicken Support Phone Number
    Quicken Customer Support Phone Number
    Digital marketing course in Delhi
    Digital Marketing Company

    ResponderExcluir
  2. Olá,
    Acho muito importante, sim, livros que ensinam adolescentes a conhecer o próprio corpo, e principalmente alertam sobre a existência de pessoas com más intenções!! Adorei seus comentários.

    ResponderExcluir
  3. Olá Querida,
    Tudo bem?
    Acho muito Interessante e importante o estilo literario:)
    Adorei o post:) Parabéns:)
    Beijinhos Karina
    Desejo te uma semana feliz

    ResponderExcluir
  4. Eu lembro que quando tinha uns 9 anos li um livro assim e foi muito divertido, porque até então você sabe que somos diferentes um do outro, mas não da forma como era explicado e foi muito bom.
    Achei muito bacana você trazer esse livro aqui, porque é sim importante que o pré adolescente e o adolescente entendam mais do seu corpo para respeitá-lo e até mesmo identificar possíveis abusos.

    Parabéns!

    Beijinhos,
    Aline Magalhães
    Alineland

    ResponderExcluir
  5. Bacana você abordar esse assunto aqui, considerando todo o alarde que tem sido feito em torno do tema. O mundo seria um lugar muito melhor se as pessoas procurassem se informar mais e entender mais sobre determinado assunto antes de sair por aí tomando atitudes impensadas.

    Como bem disse a colega nos comentários acima, não deve ser algo imposto, mas sim uma opção. Como tudo na vida deveria ser. O famoso livre arbítrio que muita gente esquece, né?

    Parabéns pela iniciativa, beijos!

    ResponderExcluir
  6. Adorei , pelo menos o livro diz o que muitos pais tinham que conversar com seus filhos

    ResponderExcluir
  7. Acho super válido esse tipo de leitura, mas tem pais conservadores que acham que mostrando conhecimento vá influenciar a criança iniciar a vida sexual, é um tema complicado pra quem é mente fechada.. enfim, eu sou super a favor de educação sexual desde cedo.

    ResponderExcluir
  8. Estou compartilhando esse post para todos os parentes e amigos que acreditam nas mentiras políticas, se bem que eles estão tão cegos a esse respeito que nem vão se dar o trabalho de ler. Onde você conseguiu o livro? Bjuuu

    ResponderExcluir
  9. Ainda não tinha ouvido falar dessa obra, mas já era de se esperar um burburinho, mas pelo que falou não vi nada demais, o assunto foi abordado do jeito que tem que ser e acredito que sim, muitas pessoas precisam aprender com esse livro

    ResponderExcluir