Onde não existir reciprocidade, não se demore

Publicado por 5.4.18


Sinopse: Certa vez ouvi alguém dizer que “quem realmente ama não desiste nunca’’, e essa frase causou um turbilhão de conflitos dentro de mim. Por que tentamos o tempo todo nos convencer de que o amor é de fato permanecer? Ficar, somente por não termos coragem de partir?Às vezes ir embora se torna necessário: você se envolve em uma relação abusiva, que só consegue te fazer mal. Você se vê insatisfeito em uma relação, mas ainda assim insiste em acreditar que tudo vai melhorar. Ou quando você ama tanto alguém que não consegue aceitar o fato de que a maior prova de amor que podemos ter é deixando o outro ir. Eu já desisti algumas vezes, mesmo querendo tanto ficar, porque aprendi que não adianta um só querer. É preciso ter muita coragem pra desistir de alguém que você ama pra caramba só porque não faz mais sentido. É preciso acreditar que onde não existir reciprocidade, a gente não deve demorar.

Autor(a): Iandê Albuquerque | Editora: Planeta | Páginas: 200 | Ano de lançamento: 2018
Compre aqui: Amazon - Saraiva

Quando iniciei a leitura esperava encontrar apenas textos aleatórios sobre relacionamentos que não deram certo. Confesso que a acreditava que estas páginas me proporcionariam meros momentos de distração e que encerraria a leitura normalmente, sem que nada de grandioso ficasse comigo após fechar o livro.

Fui positivamente enganada. Nestes textos curtos o autor me fez recordar de momentos em que precisei levantar e sacudir a poeira, situações em que me via acomodada ou presa a algo que não me fazia bem. Apesar de aparentemente o livro ser mais voltado para relacionamentos amorosos entre casais, vi nele muito sobre amizades que já tive.

Não espere encontrar um manual elaborado sobre empoderamento ou a fórmula perfeita para ser feliz. O que o autor traz é ainda maior e mais enriquecedor. Suas palavras representam o que muitos de nós pensamos ou vivemos.

Perder alguém dói muito, mas se perder por alguém é uma dor sem comparação.

Em alguns momentos tive a sensação de estar ouvindo as confissões de algum grande amigo, em outros parecia estar lendo cartas que por algum motivo não tive coragem de enviar. A identificação com o que foi relatado nestas crônicas se deu de forma imediata, logo no início já pude notar que esta seria uma leitura que me prenderia e conquistaria minha admiração.

Esta obra é repleta de bons sentimentos, alguns palavrões necessários e muito aprendizado sem aquela carinha de autoajuda que costumam mostrar a direção exata que devemos seguir.

E desculpa, meu bem, mas essa pessoa linda e maravilhosa por fora e por dentro não nasceu pra ser contatinho de ninguém, nasceu pra ser mozão!

Um livro que fala sobre sentimentos de forma descontraída, sem dramas e exageros, que preenche o pensamento do leitor com as mais sinceras palavras, proporcionando reflexões incríveis e recordações marcantes.



12 comentários

Comentários
12 Comentários
  1. Confesso que raramente leio livros assim, mas já haviam me indicado ele. Sua resenha está bem detalhada na minha opinião. Parabéns pelo seu trabalho.

    ResponderExcluir
  2. Amei a indicação do livro, a resenha está ótima e tenho certeza que deve ter sido uma boa leitura!

    ResponderExcluir

  3. Amei a sugestão de leitura e o seu posicionamento foi ótimo!
    A obra parece ser incrível!

    ResponderExcluir
  4. Gostei bastante da sua resenha. Ficou bem claro do que se trata o livro e acho que vale muito a pena ler. Adorei a sua indicação, vou procurar. Me deixou curiosa =D Bjs Verônica Alves

    ResponderExcluir
  5. Simplesmente amei esse livro. Sua resenha está bem completa e cativante, já na minha lista de leitura.

    ResponderExcluir
  6. Amei a sua resenha, deu até vontade de ler o livro para saber se também me identifico com algo. Beijos

    ResponderExcluir
  7. Ah gostei do livro. E a resenha está muito bem feita. Vou comprar na próxima feira de livro, rs. Bjokas

    ResponderExcluir
  8. Parece ser muito bom essa sua indicação. Adoro livros nesse estilo.

    http://www.bugigangaznet.com

    ResponderExcluir
  9. Olá. Adorei o título da obra. Realmente as vezes nos deixamos nos levar por amores vazios e que não valem a pena!

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Nossa já entrou para minha lista das férias kkkkk eu fiquei encantada com tema do livro afinal ninguém quer manual.

    ResponderExcluir

  11. "Perder alguém dói muito, mas se perder por alguém é uma dor sem comparação."
    que frase forte, parece ser um otimo livro

    ResponderExcluir