O rouxinol

Publicado por 28.12.16


Sinopse: França, 1939: No pequeno vilarejo de Carriveau, Vianne Mauriac se despede do marido, que ruma para o fronte. Ela não acredita que os nazistas invadirão o país, mas logo chegam hordas de soldados em marcha, caravanas de caminhões e tanques, aviões que escurecem os céus e despejam bombas sobre inocentes.Quando o país é tomado, um oficial das tropas de Hitler requisita a casa de Vianne, e ela e a filha são forçadas a conviver com o inimigo ou perder tudo. De repente, todos os seus movimentos passam a ser vigiados e Vianne é obrigada a fazer escolhas impossíveis, uma após a outra, e colaborar com os invasores para manter sua família viva.
Autor(a): Kristin Hannah | Editora: Arqueiro | Compre aqui:  Submarino, Amazon, Saraiva

Quantas vezes você já ouviu falar na Segunda Guerra, em Hitler e em como os homens lutavam bravamente para manter a segurança e a honra de seu país? Aposto que este não é um tema inédito para você, então esteja pronto para ver esta mesma realidade a partir da experiências das mulheres, filhas e esposas que ficaram quando todos foram para a grande guerra.

Inicialmente a autora nos apresenta duas irmãs. Vianne, a mais centrada e calma e Isabelle, uma jovem revolucionária e destemida. De um lado vemos Vianne preocupada com a segurança de sua casa e família, tomando cuidado para ser forte sem ser notada, de outro vemos Isabelle ansiosa para se envolver na guerra contra os nazistas e mostrar que uma mulher pode sim ser muito útil.

Aos poucos a autora vai mostrando que estas irmãs são muito mais do que aparentam, tem mais força do que é possível imaginar e mesmo sendo tão diferentes possuem muitas semelhanças.
Se há uma coisa que aprendi nesta minha longa vida foi o seguinte: no amor, nós descobrimos quem desejamos ser; na guerra, descobrimos quem somos.
Por diversos momentos fiquei em dúvida se gostava de Isabelle. Seu desejo por mudança era contagiante, porém sua falta de medo e cuidado me deixaram temorosa, afinal, sua teimosia colocava em risco a vida de outras pessoas. Ainda não sei dizer ao certo se ela me agradou ou não, porém Vianne foi o ponto alto para mim, com toda sua maturidade ela se mostrou capaz de garantir o sustento e segurança de sua filha, além de proporcionar auxílio a diversas outras crianças. Sem dúvida alguma, Vianne evoluiu muito a cada novo capítulo.

Admito que em alguns momentos me senti cansada, afinal é uma temática mais forte, com sofrimento e perdas, mas logo quando via a esperança nas atitudes das mulheres que protagonizavam esta história, tudo melhorava.

Se você busca um romance, este com certeza não é o livro que irá lhe proporcionar momentos de suspiro, mas se busca algo que lhe prove que é possível lutar pelos seus ideais, que há uma luz no fim do túnel, então aproveite esta leitura.


7 comentários

Comentários
7 Comentários
  1. Kristian Hannah tem histórias lindas e tristes, O Rouxinol eu não li, mas se tu curtiu leia O Caminho para Casa vai amar.

    ResponderExcluir
  2. Eu sou apaixonada por esse livro, foi o primeiro que eu li da autora e foi através dele que eu me tornei fã dela.

    ResponderExcluir
  3. Olá, esse é um livro que quero ler. Já li algumas obras com a temática da segunda guerra mundial, mas poucas falavam exclusivamente sobre o ponto de vista feminino.

    ResponderExcluir
  4. Oii Alessandra, tudo bom? Gostei da resenha! Eu tenho muita curiosidade para ler algo da autora, e como adoro livros que se passam na segunda guerra, acho que começarei por esse. Gosto também de livros que mostram a força da mulher frente a situações de sofrimento.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Ah esse livro, desejo tanto ele, faz tempo que já tinha visto uma resenha dele e desde então sempre o quis.

    Beijos

    Viviana

    ResponderExcluir
  6. Olá, Alessandra.
    Eu li um livro dessa autor e conesso-lhe que me apaixonei pela escrita dela.
    O Rouxinol está na minha lista de desejados, quero muito ler ele.
    Quanto a Isa, fiquei meio temerosa em relação a ela, fiquei na dúvida se gostaria ou não dela, só lendo para saber rs

    ResponderExcluir
  7. Sua resenha foi muito boa, eu leria esse livro com certeza.
    A capa é linda e gosto dessa temática.

    Boutique de Clichês

    ResponderExcluir