A história da família de Anne Frank

Publicado por 14.12.16


Sinopse: Consagrado como uma das principais obras do século XX, O diário de Anne Frank até hoje emociona leitores no mundo inteiro. Quase um século depois, no sótão da casa de Buddy Elias, primo de Anne Frank, em Basileia, foi encontrado um maço com mais de mil cartas, documentos e fotos – que dão ainda maior significado para a história da família e, ao mesmo tempo, colocam em evidência os relatos da própria Anne. Narrada pela esposa de Buddy, Gerti Elias, e pela renomada Mirjam Pressler, A história da família de Anne Frank tece um retrato envolvente e cativante de uma das mais famosas famílias judaicas vitimadas pelas atrocidades da Segunda Guerra Mundial. Sentimentos e convicções multiplicam-se desde a primeira página, com a descrição das férias na casa dos Frank em Sils Maria, Alpes Suíços, no verão de 1935, onde a família, cujos membros viviam espalhados pelo continente europeu, reunia-se anualmente.Para quem ainda não sabe, Anne Frank foi uma adolescente que junto com sua família com origem judaica precisou fugir e se esconder durante a Segunda Guerra. Através de seus relatos em forma de diário, o mundo tomou conhecimento de sua história um certo tempo depois.

Autor(a): Mirjam Pressler | Editora: Record | Compre aqui: AmazonSaraiva, Submarino

Porém o que se conhece através deste diário são apenas as situações pelas quais Anne presenciou, ou seja, o leitor tem conhecimento sobre alguns familiares da jovem, enquanto outros não são tão conhecidos.

Em A história da família de Anne Frank, o leitor encontrará uma obra rica em informações de personagens que talvez desconhecesse, mas que de certa forma fizeram parte da vida de Anne e que também sofreram com o holocausto.


O livro possui uma narrativa tranquila, mesmo que desde o início se imagine que o final de algumas histórias não seja muito boa, afinal, estamos falando de personagens reais que enfrentaram momentos de tortura e sofrimento.

Caso você esteja com receio, afinal estamos falando de uma obra com personagens que viveram a Segunda Guerra da forma mais dolorosa possível, saiba que não tem o que temer. A união das cartas e fotos transformam a história mais humana, sensível e interessante sem a necessidade deixar o leitor horrorizado com detalhes.

Sem dúvida alguma os fãs de Anne Frank precisam ler este livro, conhecer a família através de suas palavras e imagens. Para os que ainda não tiveram o prazer de ler O diário de Anne Frank, não há problema, pois são livros independentes que se ligam apenas pelos laços de família e afeto. Mas acho que você deveria ler o diário também, é uma leitura incrível e comovente.

Enfim, este é um livro que agrada ao mais curioso leitor, atingindo as mais variadas idades e envolvendo a todos que buscam personagens e histórias reais.


7 comentários

Comentários
7 Comentários
  1. É uma história incrível da Anne Frank uma menina judia na segunda guerra teve que se esconder, fugir para sobreviver, o livro é maravilhoso, uma história que todos devem conhecer, Alessandra bjs.

    ResponderExcluir
  2. Adorei a publicação do livro, como você disse as fotos e cartas deixam a história mais humana, saber um pouco mais de Anne é sempre bem vindo.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  3. Eu sempre gosto de estudar sobre guerras e o holocausto é um episódio que entristece e não pode ser esquecido. Ainda não li o livro mas quero muito ler.

    ResponderExcluir
  4. Confesso que este não é o meu tipo de leitura favorita, mas por outro lado sou super curiosa, fiquei com vontade ler o livro, mas não sei se consigo ler até o fim, essas histórias sempre me emocionam muito e acabo mais chorando do que lendo rsrs
    Gostei da tua resenha, talvez eu o compre ...

    Bjos
    Minda ❤ 💋

    ResponderExcluir
  5. OOI!
    Não sabia da existência desse livro, e só me deu mais vontade de ler O Diário de Anne Frank, que só fico enrolando. Pelo que já li sobre ela, imagino que as obras sejam muito reflexivas. :D
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  6. Olá, Alessandra.
    Sou totalmente fã da história da Anne Frank e não sabia sobre a existência desse livro.
    Com certeza quando eu tiver a oportunidade irei lê-lo. Adorei a dica e a resenha!

    ResponderExcluir
  7. Olá, Alessandra!! Tudo bem? Gostei muito da sua resenha!! Eu não li O Diário de Anne Frank, mas quero muito fazê-lo, e já anotei sua dica para ler esse logo depois. <3
    Beijos

    ResponderExcluir