O pássaro do bom senhor

Publicado por 1.2.16


Sinopse: Henry Shackleford é um menino escravizado no território do Kansas em 1856. Uma das grandes figuras do momento é John Brown, lendário abolicionista que vê na insurreição armada o único caminho para a libertação. E, quando Brown chega ao Kansas, o garoto vê-se forçado a deixar a cidade na companhia do abolicionista, que o toma por uma menina.O excêntrico Brown, então, apelida Henry de “Cebola”, adotando-o como seu amuleto, e o jovem, de modo a permanecer vivo, oculta sua verdadeira identidade. A pequena Cebola pode contar apenas com a própria engenhosidade para sobreviver à violência crescente entre Brown, com o apoio de seu exército esfarrapado, e os senhores de escravos, antes do lendário ataque a Harpers Ferry, onde a história norte-americana tomará novos rumos.
Autor(a): James McBride | Editora: Bertrand Brasil | Compre aqui: Americanas, Saraiva

Quando se pensa em história que envolva a escravidão, se imagina algo pesado, denso e extremamente chocante, isso talvez afaste alguns leitores que não se encaixam no perfil de apaixonado por descrições tão reais, porém ouso dizer que tal descontentamento não ocorrerá durante a leitura de O pássaro do bom senhor.

A história é contada a partir do ponto de vista do jovem Henry, um escravo que viu seu pai ser morto e se sentiu forçado a partir junto com Brown e seu grupo abolicionista. Seria uma narrativa triste e dura, não fosse o fato do protagonista ter um olhar e uma fala com toque de humor em alguns momentos, principalmente quando precisou fingir ser uma menina, a pequena Cebola, que chega a comer o amuleto da sorte de John Brown achando que era comida.

- Foi meu amuleto da sorte que você acabou de engolir - resmungou. - Guardei esse troço por quatorze meses e faca nenhuma me arranhou nem bala nenhuma tocou a minha carne.

É evidente que o leitor irá se deparar com passagens com um toque de violência, estamos falando de uma história sobre escravidão, mas até mesmo as grandes maldades do ser humano são expostas de forma a atrair o leitor e não assustá-lo.

Uma narrativa fluida e de fácil entendimento, afinal, os relatos partem de uma criança que come amuletos hehehe. Este é um daqueles livros que carregam uma temática real, forte e interessante, mas que não cansa ou sobrecarrega o leitor.

 


13 comentários

Comentários
13 Comentários
  1. O livro parece ser ótimo , bem interessante. Conhecimento nunca é demais.
    Beijos

    www.mundoyoung.com.br

    ResponderExcluir
  2. Boa dica de leitura.
    Adorei o tema, quando eu terminar o que eu estou lendo, vou procurar.
    bju

    ResponderExcluir
  3. ótima dica de leitura, esse livro parecer ser ótimo e envolvente.

    Beijos
    www.mariaulhoa.com

    ResponderExcluir
  4. Adorei sua resenha e achei o livro muito interessante. Acho que quando tocamos em certos assuntos a pitada de humor é que mantém o leitor interessado. Logo, logo volto com minhas leituras tb! Bjs
    Blog Ana Laura Artes
    Grupo SCC Blogueiros

    ResponderExcluir
  5. É um livro interessante por abordar a escravidão, a escravidão é sempre um assunto polêmico, mas essa história tem um lado divertido, Alessandra beijos.

    ResponderExcluir
  6. Você resenha tão bem os livros que lê que ate quem nao curte esse tema fica com vontade de ler. a história é Bem interessante e me deixou curiosa pra saber o que acontece com o Hanry, alguém descobre que ele não é menina?

    ResponderExcluir
  7. Hum, bacana a resenha .. Digamos que fiquei com vontade de le, nunca li algum desta maneira sabe ..nunca havia me interessado de fato e verdade .. Parece bom .. Eu acho lindo seu blog não sei se já comentei antes kkkk .. Sempre me recordo dele,e por ser destinado a leitura ainda ❤❤❤ RS
    Um beijo :)

    ResponderExcluir
  8. É uma ótima dica de leitura Alessandra ...
    Confesso que esse tipo de leitura não é a minha preferida, mas por outro lado, gosto de ler, porque histórias assim me fazem ver o quanto eu sou abençoada!

    Bjos
    Minda =D

    ResponderExcluir
  9. Que eu me lembre acho que nunca li,
    com esse tema, mais achei muito interessante.
    gostei muito da sua resenha!
    Bjúús

    ResponderExcluir
  10. Confesso que o ano de 2015 passou e eu contínuo com uma certa preguiça para livros. Mas pela resenha esse livro parece ser muito bom!

    ResponderExcluir
  11. Parece ser um livro muito bom, daqueles que vc fica bem concentrado na história! Gostei demais da resenha! Não conhecia o livro!
    Blog Mulher Virtuosa By Vany

    ResponderExcluir
  12. Nossa deve ser muito bom mesmo o livro, mas sou daquelas que chora até com comercial de margarina e de banco. uhahuauha
    Acho que mesmo não sendo tão duro, como você menciona, devo chorar se ler o livro. Sou muito sentimental, e quando leio um livro vivencio e mergulho na historia. É até dificil de termianr uma leitura porque depois sinto falta não sei se com você é assim, ou eu que sou um pouco louca ahuhuahua

    Hoje iniciei uma categoria no blog (batom do dia) espero sua visita e que goste. http://www.renatachampion.com.br

    ResponderExcluir
  13. Alê,
    sua breve resenha me conquistou. Vou add o livro na minha wishlist.
    boa folia para vc!!!
    Beijos, Fernanda D.
    NovoRomance.com.br

    ResponderExcluir