|Resenha - Filme| Drácula, a história nunca contada

Publicado por 6.2.15


Sinopse: Os habitantes da Transilvânia sempre foram inimigos dos turcos, com quem tiveram batalhas épicas. Para evitar que sua população fosse massacrada, o rei local aceitou entregar aos turcos centenas de crianças. Entre elas estava seu próprio filho, Vlad Tepes (Luke Evans), que aprendeu com os turcos a arte de guerrear. Logo Vlad ganhou fama pela ferocidade nas batalhas e também por empalar os derrotados. De volta à Transilvânia, onde é nomeado príncipe, ele governa em paz por 10 anos. Só que o rei Mehmed (Dominic Cooper) mais uma vez exige que 100 crianças sejam entregues aos turcos. Vlad se recusa e, com isso, inicia uma nova guerra. Para vencê-la, ele recorre a um ser das trevas (Charles Dance) que vive pela região. Após beber o sangue dele, Vlad se torna um vampiro e ganha poderes sobrehumanos.

Eu criei uma certa resistência em relação a filmes e/ou livros de vampiros, agradeço aos brilhantes do Crepúsculo por este trauma. Não briguem comigo, mas vampiros têm que possuir algo de mal, mesmo que sua essência tenha sido boa. Esse papo de purpurina e beber sangue de bichinhos não me convence.

Admito que não estou muito por dentro das lendas que envolvam o Drácula. Bem que eu queria, mas algo no destino me impediu de ler obras que contassem algo sobre o vampiro, então me perdoem as bobagens que possam sair neste post.

A ideia inicial do filme é apresentar aos espectador o início da lenda, por este motivo conhecemos Vlad, o empalador. O grande e temido príncipe, cavaleiro cristão que protege seu povo de tudo e de todos, principalmente sua família. Gostei de vê-lo como um ser humano comum, daqueles pais que morreriam por seu filhos, pois ao meu ver, até mesmo um monstro tem um lado bom. 



Tudo ficaria bem se não resolvessem levar o filho do príncipe embora, para se tornar um guerreiro ou morrer no caminho, afinal nunca se sabe como ele se sairia. Vlad decide fazer um pacto com um monstro temido por todos os povos, com a intenção de se tornar forte o bastante para proteger as pessoas. Após beber do sangue do ser amaldiçoado ele adquire alguns "poderes". Os poderes são os normais para vampiros conhecidos, exceto aquele negócio de ler mente, adivinhar o futuro ou simplesmente ser bonito. Adorei a transformação, os efeitos foram bem legais e tudo foi gradativo, já que o Drácula estava um tanto resistente para se entregar.


Como eu disse no início, não sou uma super entendedora das lendas do Drácula, então não vejo muito o que criticar neste filme. Ele tem ação na medida certa, sentimentos legais, um toque de drama em momentos de perda, mas em nenhum momento o protagonista aparentou fraqueza, isso prendeu minha atenção durante o filme. É verdade que eu esperava um pouco mais de crueldade, mas ainda assim consegui concluir com satisfação e não foi tempo perdido.



Isso sim é vampiro, pelo menos para mim. Quer salvar as pessoas? Legal, mas pelo menos queime no sol e fuja da prata.



24 comentários

Comentários
24 Comentários
  1. Olá Alessandra. Eu não sou de ver filme, mas confesso que Drácula, a história nunca contada me coça de curiosidade em assistir. Não consegui ir no cinema, tenho filha pequena, e não tinha com quem deixar, mas não vejo a hora de colocar meus olhinhos em cima do Conde mais temido de todos os tempo. Adoro histórias que tem o Dracula como plano de fundo. bjs
    Eykler
    www.amorasompimenta.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Alessandra! Eu confesso gostar dessa temática quando bem explorada. Acho que não fiquei muito animada para ver esse filme na época por causa do cenário meio medieval, mas preciso parar de julgar pelas aparências, rs. Até porque meus conhecimentos vampirescos são resumidos à lançamentos atuais, como Crepúsculo, que você mesma citou, TVD e Academia de Vampiros. Então, obrigada pela dica!

    Beijos! Lis
    umareescrita.com.br

    ResponderExcluir
  3. é esse tipo de vampiro que gosto, mal e sexy ainda não vi o filme mas ja esta programado para o carnaval

    BEIJOSssss....

    http://sonhosdeleitor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Esse papo de purpurina e beber sangue de bichinhos, kkkkkkkkkkkk morri
    Amo livros ou filmes com vampiros, mas pode ser menos assustador que eu deixo rsrs
    Filme indo pra lista ;)

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi, Alessandra!!
    Assisti esse filme no cinema logo que lançou e pelo trailer que vi antes confesso que esperava muito mais. É mais um filme que tem um trailer mais legal que o próprio filme... Mas gostei muito da proposta das ultimas cenas, deu um toque todo especial, e foi o responsavel por me fazer dizer que eu gostei do filme, pois de resto achei muito raso.
    Beijos

    www.tempodeopinar.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Ale!
    KKKKKKKKKKKKKKKKKK queime no sol foi ótimo. Nada contra claro. Adorei Twilight, mas Edward nunca foi meu personagem favorito. Nem de longe.
    Na epoca da minha adolescencia talvez eu tivesse ficado mais motivado a ir assistir o filme. No fim, mesmo com tantas criticas positivas e pelo ator, ainda não me senti no desejo de ver. Acho Drácula tão batido ja. Ja foram tantas adaptações que acabou ficando cansativo, pelo menos pra mim.

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi , tudo bem ? Que legal sua resenha, tbm resenhei esse filme na epoca q foi lançado e tipo, pensei q nem vc kkk trauma d vampiro brilhante, embora historias sobre o Dracula ja estejam batidas, esse filme trouxe algo bem legal que e mostrar a humanidade do Vlad, tbm acho q faltou uma maldade ai mas eu achei tao justificavel o ato dele, q nem dava para torcer pra ele ser queimado no sol kk eu na vdd so fui ver o filme pq gosto muito do Luke Evans, e acho q ele se encaixou bem no papel , os efeitos visuais ficaram lindos mas eu esperava mais do filme, que explorassem a historia sei la rs mas prefiro mil vezes esse dracula que Edward Cullen u.u e olha que li todos os livros da saga ... enfim gostei de ler sua resenha, bjin

    www.somandoconhecimento.com

    ResponderExcluir
  8. Oie!
    Olha, não sou nem um pouco fã de vampiros, mas fui ao cinema logo quando passou esse filme, assisti e gostei muito!
    Não tinha ideia de como seria a real vida do Dracula, e achei o filme muito bem feito, tanto de efeitos especiais, como de personagens e a história!
    Saí do cinema muito feliz por ter assistido!
    Beijão
    Gio - Clube das 6
    www.clubedas6.com.br

    ResponderExcluir
  9. Eu queria ter ido assistir esse filme no cinema, mas acabei deixando a oportunidade passar =(
    Gostei do trailer na época em que ele foi divulgado e, assim como você, também não conheço muito a lenda do Drácula, portanto minha intenção é apenas encontrar um bom filme, que me divirta e que me mantenha preso na poltrona!

    Beijo,
    João Victor - Amigo do Livro
    http://amigodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá, flor!
    Eu me decepcionei com esse filme… Diferente de você, conheço as lendas que envolvem o Dráculo e considerei algumas coisas um tanto quanto incoerentes nessa versão. Mas até a metade do filme fiquei admirada! Valeu a pena pelos efeitos, mas acho que faltou dar ênfase em alguns elementos importantes.
    Recomendo a você o filme Drácula, o original, baseado na obra de Bram Stoker. ;)

    Sobre seu comentário, hahaha. Eu ri sozinha quando mencionou que vampiro tem que queimar no sol e fugir da prata. Bem, isso deve acontecer segundo os referenciais cristãos. Se o vampiro foi criado por Deus, sabe? Tudo por causa de Judas. Mas eu gosto de outras versões! :D

    Beijos, flor!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oiee ^^
    Também não sou muito fã de vampiros, mas não por causa de Crepúsculo, eu até gosto da saga, mas por alguns livros ruins que eu li. Acho que já tinha ouvido falar desse filme, mas fiquei curiosa para ver.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oii, tudo bem?
    Eu estou enrolando a muito tempo para ver esse filme, sem querer uma amiga minha me deu um spoiler do final e eu estou vendo se eu esqueço com o tempo rsrs

    www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Oi tudo bom? ^^
    Adorei a dica de filme, já tinha ouvido falar, mas nao tinha lido nenhuma critica ou resenha... achei bem diferente, pois as historias de vampiros atuais falam muito de romance, vampiros bonzinhos, precisava de algo mais cruel e sangrento hehe acho que combina mais.
    Beijos
    CarolMello.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Alessandra!
    Como fã de vampiros que sou, quando fui assistir a esse filme, estava com altas expectativas e foram todas superadas. Gostei bastante da história e a forma como foi retratada. Sensacional!
    Beijos

    Li
    literalizandosonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Ola Ale não assisti ainda esse filme, ei ao contrário de você amo esse universo dos vampiros. Lendo sua resenha tenho certeza que vou gostar do filme. Já anotado para assistir. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  16. Oiee.

    Olha sempre tive vontade de ver esse filmes, mas sei não... ao mesmo tempo em que sinto vontade, vem um nisto de receio, medo e nojinho rsrsrs

    Não sei se verei

    Beijos Fê
    www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  17. Oi, Alessandra! Assim como você, nunca vi/li nada relacionado ao Drácula. Confesso que estou um pouco saturada de histórias de vampiro, tanto em livros quanto em filmes e séries, mas esse parece ser bem diferente. Traz o lado sombrio, como você mesma disse, e isso é algo bem raro hoje em dia rs. Fiquei curiosa a respeito da história, parece ser bem instigante! Anotei a dica :) Beijos!

    www.viagensdepapel.com

    ResponderExcluir
  18. Oi Ale! Eu achei ele bem mais ou menos! Até gostei, mas esperava bem mais, pelo trailer achei que era outro lado abordado que acabou não sendo! Eu não tenho problema com os Vampiros bonzinhos, assim como não tenho nada contra os maus! Só acho que o um vai para o lado do romance e o outro para o terror, dependo do que vc quer ler ou ver a escolha é sua, tem vampiro para todos os gostos, tanto no cinema, como na literatura! Beijos

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Vejo muitas opiniões sobre esse filme. Mas não consigo ser fã de vampiros, não adianta. Por isso vou passar essa.
    Beijos, Kamila

    www.vicio-de-leitura.com

    ResponderExcluir
  20. Oie, tudo bom?
    Eu também sou meio traumatizada com vampiros por causa de Crepúsculo. Esse não é o tipo de filme que eu curta assistir, mas parece cumprir bem seu papel com momentos de ação coerentes.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Olá... tudo bem??

    Ao contrário de você não me sinto traumatizada com vampiros após crepúsculo... aliás eu adoro os vampiros desde os bonzinhos toscos como os sanguinários... eu assisti Drácula e gostei muito, mas uma história que me cativou assisti o filme duas vezes porque é o estilo que gosto, mas acho que nenhum vai se comparar ao filme Anjos da Noite que são os meus preferidos... Xero!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Assisti ao filme na semana passada com meu primo, e não gsotei muito, talvez pq tivesse muita expectativa sobre o filme, mas meu primo - ao contrario - amou o filme :)
    www.muchdreamer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. HAHAHAAHAHAHAHAHA concordo super com você, vampiros são seres "malévolos" de certa forma, não brilham não!!
    Eu já vi Drácula mais de uma vez e sinceramente amei. Gostei demais de tudo, desde cenário, atores, até a história em si, para mim é um excelente filme mesmo!
    Beijosssss!

    ResponderExcluir