|Resenha| A ilha de Bowen - César Mallorquí

Publicado por 28.1.15



Sinopse: Tudo começou com o assassinato do marinheiro Jeremiah Perkins, em um pequeno porto norueguês, e com um pequeno pacote, que ele enviou para Lady Elisabeth Faraday. Mas talvez a história tenha começado quando estranhas relíquias foram descobertas em uma antiga cripta medieval. Foi por causa disso que o mal‑humorado professor Ulisses Zarco resolveu embarcar em uma aventura a bordo do Saint Michel, enfrentando inúmeros perigos e o terrível mistério que envolvia a Ilha de Bowen.

Autor: César Mallorquí | Editora: Biruta  

Estou com um certo problema para comentar a respeito deste livro, sabe quando nenhuma palavra parece descrever perfeitamente uma sensação? Pois é assim que me encontro neste momento. "A ilha de Bowen" excedeu minhas expectativas de tal forma que ainda não consegui me recuperar.

Zarco e seus companheiros se envolvem em uma aventura inimaginável, pelo menos ao meu ver acho complicado imaginar que ir em busca de um homem perdido possa lhe fazer cruzar o caminho de autômatos em formato de aranha gigante.

Muitos mistérios vão sendo revelados aos poucos, porém nem tudo é diretamente dito ao leitor. Em alguns momentos acabei imaginando coisas absurdas, na esperança de estar chegando perto de desvendar todos os fatos, mas o que eu não esperava era que o autor tivesse a mente tão brilhante e cheia de improbabilidades.

Imagine quão estranho seria se você fosse viajar e acabasse encontrando metais que a ciência diz serem impossíveis de existir, ou então que veria pessoas mortas por raios de cogumelos? Falando desta forma parece coisa de louco, mas acredite, tudo se encaixa perfeitamente nesta história. Por mais estranho que possa parecer o fato, ele faz todo o sentido.

Adorei a construção dos personagens, em especial do professor Zarco. Seu jeito sarcástico me conquistou e logo nas primeiras páginas pude perceber que "seríamos amigos". Acredito que se ele realmente existisse, iria querer tê-lo por perto, pois além de sua acidez ele demonstra muita inteligência e sagacidade.
-Sinto muito, patrão, foi um acidente. Mas não é para tanto,não aconteceu nada com a caixa...-Ah, então estamos com sorte - o homem do panamá aproximou-se da embalagem e tocou-a com a ponta dos dedos. - Porque o que mais interessa é a caixa, claro; o que está dentro só foi posto para fazer volume, mas o que queremos enviar por trem são essas preciosas caixas de madeira, não é?
A ala feminina da história fica por conta da Sra Faraday e sua filha, eu particularmente achei a mais jovem um pouco sem graça, porém em compensação a mãe me deixou encantada com a sua força, teimosia e inteligência. 

Até as últimas páginas achei o autor fosse me enganar a qualquer momento e me dizer que tudo tinha sido um sonho, mas graças a Deus o César fechou a história com maestria. Me sinto ainda extasiada com a conclusão da história, por mais que por alguns minutos aquela ideia tivesse me passado pela cabeça, ainda assim o autor me deixou surpresa.




22 comentários

Comentários
22 Comentários
  1. Já aconteceu comigo, ler um livro e não tem palavras para resenha-lo, isso pode ser dois sinais: o livro pode ser tão bom que deixa as pessoas sem palavras ou tão ruim que não vale a pena escrever. Mas acho que esse livro se encaixa na primeira opção, gostei da resenha beijos.

    http://sonhoseaventurasdeamor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Adorei sua resenha. Achei super completa, me deixou com muita vontade de conhecer o livro mais de perto!

    ResponderExcluir
  3. Assim que vi que a editora era a Biruta soube que iria amar o livro.
    Resenha mais do que fofa, quero muito ler o livro. Seu carinho pela história, demonstrado na resenha só me fez ficar mais interessada. Anotei aqui na listinha, espero ler em breve.
    Beijos
    Vivi
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir
  4. Oie
    Não conhecia o livro, mas adoro quando o autor cria inúmeras possibilidades e nos deixa em dúvida sobre como será o desfecho.
    Gostei da forma como você resenhou por que deu para perceber como você ficou envolvida.
    Adorei a dica!
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Gosto muito das publicações da Editora Biruta e sua resenha me deixou super curiosa com o livro, adoro personagens bem construídos que que mistérios rondam esse livro hein ? Já entrando para minha lista de leitura.

    beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  6. Um livro bem diferente dos que eu costumo ver, mas bem interessante, gosto de mistérios! bjos

    ResponderExcluir
  7. Oi, flor!
    Menina, que resenha! Eu lia e realmente concordava com você, que parecia uma coisa de louco, mas fico feliz em pensar que temos um livro tão diferente! Eu me interessei bastante pelos mistérios, mas confesso que hesito em ir atrás da obra depois que mencionou autômatos em formato de aranhas gigantes, porque é algo com o qual pouco consigo lidar. Sofro de aracnofobia, flor.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, Alessandra!
    Que livro, hein?
    Me interessei tanto que até fui pesquisar a respeito.
    E isso é o muito bom!
    Ler um livro, compartilhar suas impressões e ainda deixar mais pessoas com vontade de lê-lo...
    Agora, vou ver se consigo adquirir A ilha de Bowen .

    Beijos!
    http://fabi-expressoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá... tudo bem??

    Eu achei a capa do livro muito bonita... gosto quando um autor (a) faz isso em um livro ele só nos leva por um único caminho nos prender até o fim... gosto desse tipo de narrativa... que me faz criar suposições e me inteirar na história... gostei viu... Xero!!

    ResponderExcluir
  10. Já fiquei muito sem jeito para escrever algumas resenhas. Tantos livros que amei e dos que não gostei também rs.
    Achei a capa bem legal e talvez eu o leia

    Beijos
    www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  11. Vi a divulgação da editora sobre o livro do Cesar, e fiquei curiosa para lê-lo! É a primeira resenha que leio sobre ele e até então eu não tinha nenhuma base do que esperar e gostei da sua opinião, espero ler em breve!

    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  12. Capeta, por mais que o gênero me atraia, o fato de ter mar, me lembra piratas ou livro português antigo. Vou deixar passar.

    ;*

    ResponderExcluir
  13. Oie, tudo bom?
    É muito bom quando um livro nos deixa praticamente sem palavras depois da leitura. Li ótimos livros da Biruta em 2014 e espero que esse ano isso se mantenha. Parece ser uma fantasia interessante.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oie,
    O gênero não me agrada muito, não. A história pareceu incrível, mas eu não conseguiria ler...rs
    Beijos
    Jéssica Polato
    http://www.ajessicadisse.com/

    ResponderExcluir
  15. Olá.
    Sei exatamente como é essa sensação, não ter palavras para resenhar um livro que foi tão bom pra gente.
    Gostei bastante da premissa do livro e com certeza vou procurar mais sobre a obra.
    Beijos

    http://www.cantodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Oi Ale!
    Gente, Zarco parece ser muito legal *-* Não conhecia o livro, mas fiquei curioso. Gosto de leituras não tão previsiveis e que te pegam assim, do nada. Tenho lido alguns livros esse final de mes, mas os finais estão tão secos, que meu Deus, fica dificil a pessoa não adivinhar e isso acaba perdendo boa parte da magia.

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
  17. Olá, não conhecia o livro, achei a capa linda. Tem coisa melhor que um livro nos arrebatar? Ainda mais quando a leitura não tem nada de previsível. Não é o tipo de livro que estou habituada a ler, mas acredito que para quem gosta do gênero, valha a pena a leitura.

    Abraços quentinhos!

    Patty Santos
    Blog Coração de Tinta

    ResponderExcluir
  18. Nossa, que livro diferente, realmente tem algumas coisas inimagináveis, rs.
    Adoro quando uma leitura me surpreende assim e supera minhas expectativas.
    Adorei a resenha, vou procura o livro agora, para mergulhar nesse universo maluco, rs
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi, Tudo bem?

    Achei bem diferente, mas será que eu iria gostar!
    hahahaha
    Vou colocar na minha listinha de desejos, porque livros assim realmente mexem com nossa imaginação! huahsuah

    Beijos
    Silêncio Que Eu To Lendo

    ResponderExcluir
  20. aaah, eu sei bem como é essa sensação de terminar de ler um livro, e não ter palavras adequadas para expressar o quanto aquela historia, aquela leitura foi prazerosa. vou te confessar uma coisa, de cara esse livro não me chama atenção, mas já que a sua leitura foi tão surpreendente assim, não tem como não ficar curiosa a respeito do livro né?! haha

    Bjokas da Giih

    http://livrosseriesecitacoes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Olá

    Terminei de ler esse livro no começo da semana e acho que também supriu todas as minhas expectativas. Confesso que comecei a ler sem saber nada e fui descobrindo a história aos poucos e foi lindo. Gostei também da construção dos personagens e o desfecho. Adorei aquele texto final do autor sobre suas inspirações e tudo mais. Comecei o ano lendo algo incrível, espero que tenha mais ótimas leituras como essas.

    Abraço!
    www.umomt.com

    ResponderExcluir
  22. Olá!
    Que legal que o livro excedeu as sua expectativas. É muito bom quando isso acontece.
    Bom a história não me pegou e por isso não sei se leria.
    Mas adorei a sua empolgação na resenha.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir