[RESENHA] O Trio - Alane Brito

Publicado por 29.7.14

Autora: Alane S. A. Brito

Sinopse: Davi achava que seus piores problemas seriam dividir o forte sentimento que ele e seus dois amigos, Nelson e Jordan, nutriam pela mesma menina e tentar tornar a conturbada vida de um deles menos sofrida. Até que ao completarem dezoito anos a pequena vila no meio do nada onde moravam é invadida por homens violentos. É quando começa o maior desafio de suas vidas... 

Eu sempre tenho problema para iniciar as resenhas e com este livro não vai ser diferente. Sinto como se me faltassem palavras para descrever as sensações que senti ao ler a história deste trio de amigos. Ainda estou com meus sentimentos um pouco confusos e a única certeza é de que a autora conseguiu me prender com uma narrativa ágil e envolvente.

Davi, Nelson e Jordan moram em uma comunidade simples, onde todos se conhecem e trabalham para o bem comum. Nada de competição para ver quem tem mais posses, nada disso, alí todo mundo trabalha junto e tem os mesmos direitos, porém algumas confusões acabam acontecendo e colocam em risco toda a tranquilidade da pequena cidade. 

A criação do cenário foi impecável, mesmo que eu more em uma cidade relativamente grande e nunca tenha visitado qualquer comunidade onde não exista nem mesmo uma unidade básica de saúde, consegui imaginar perfeitamente o ambiente, como as casas simples, as plantações onde muitos trabalhavam e colhiam seu sustento e as festas onde todos se reuniam para comemorar algo. Relações próximas e amigáveis, crianças protegidas mesmo à noite, tranquilidade a todo momento.

Quando se tem poucas pessoas em um determinado espaço todos acabam se conhecendo, até mais do que deveriam. As amizades são construídas mais rapidamente que o normal, visto que todos se conhecem desde crianças, porém também existe a facilidade para adquirirem inimizades e neste livro o leitor poderá ver claramente as duas faces de uma pequena sociedade, o bem e o mal.

Amizades são relações de cumplicidade e afeto, mas será que sobrevivem a tudo? Fiquei com o coração na mão em alguns momentos, me entristeceu em ver o rumo que a amizade daqueles três garotos estava tomando, bem como em outros momentos de grandes de perdas. Não vou me aprofundar muito nos acontecimentos sofridos para evitar spoilers, mas saibam que nem só de brincadeiras se faz uma vida e a desses garotos não foi fácil como imaginavam que seria.

Me senti incomodada vendo toda a injustiça, as calúnias, invejas, etc, que rodeavam aquela pequena cidade. Queria ir até lá avisar os mais velhos que eles estavam julgando sem provas. Sim, quando me sinto envolvida pela narrativa acabo querendo entrar literalmente na história. Fiquei com raiva quando parecia que nada melhoraria, mas também abri um sorriso ao ler as últimas páginas e imaginar que nem tudo está perdido. Algumas coisas são impossíveis de corrigir ou recuperar, mas nada impede de que ao menos haja uma tentativa. 

A Alane conseguiu construir uma história muito boa, com personagens cativantes e "vilões" que deixam o leitor querendo dar uns tapas para parar com as maldades, ou seja, tudo em seu devido lugar, nada de personagens irritantes ou exagerados que acabam cansando quem está tentando se envolver com a obra. Este livro foi além das minhas expectativas e apesar das mais de 500 páginas pode ser lido rápido, porém eu demorei mais do que o esperado por causa da rotina corrida, mas acredito que mesmo se você levar um mês para ler, ainda assim terá valido a pena.


3 comentários

Comentários
3 Comentários
  1. Que resenha gostosa de ler, Alessandra!! Amei tanto que não queria que tivesse acabado! rsrs Muito obrigada por suas palavras! Tudo muito lindo e caprichadinho... Parabéns, você escreve muito bem! Fico feliz demais por você ter gostado tanto do meu livro, pelo privilégio de ele ter sido lido e resenhado por você!!
    Beijão!!!

    ResponderExcluir
  2. Oie Alê, tudo bem? Acho que nem preciso elogiar essa resenha. A própria autora já agradeceu e elogiou. rsrsrsrs Parabéns pelo bom trabalho!!!!
    bjs, Fernanda D.
    NovoRomance.com.br

    ResponderExcluir
  3. Ótima resenha! Fico tão feliz cada vez mais pela criatividade da leitura brasileira. Nem tenho o que falar sobre isso: se você é ruim para começar resenhas, eu sou ruim para comentar sobre elas. Mas foi por causa da sua resenha que o livro está na minha lista (se isso vale de algo). Obrigada.

    The Lord of Thrones

    ResponderExcluir