[RESENHA] Escrito sob fogo e sangue: A decisão - Adrieni Yassini

Publicado por 6.3.14

Autor(a): Adrieni Yassine
Sinopse: Um amor marcado por séculos de luta ESCRITO SOB FOGO E SANGUE – A DECISÃO é uma viagem no tempo, em um futuro no qual o mundo é muito diferente do que conhecemos hoje. As histórias de amor e de luta são recheadas de magia, fogo e sangue. As raças expulsas, bruxas e magos iniciam seu retorno para o planeta azul. Elas se misturam, se amam e se odeiam. Afinal, viveram com os humanos. O equilíbrio está na superação individual, as diferenças são marcadas por Kir e Destroc, os pais do redentor, aquele que unirá as forças de todas as raças. Mas esta história teve seu início há muitos séculos. O passado e o futuro se misturam no inacreditável. A esperança dos humanos, o sangue que alimenta os vampiros, o impulso animal que protege os lobisomens e a magia e o fogo que orienta os magos e bruxas.

Kir e suas amigas bruxas tem a tarefa de voltar ao planeta azul para tentar recuperá-la de todo o mal que o habita. A tarefa não seria nada fácil, já que neste planeta havia um mago negro muito poderoso, que em algum momento de sua existência tinha sido um incrível mago branco, mas que ao ter contato com os sentimentos humanos, acabou perdendo sua essência boa e se deixou levar pela ganância.

O amor é o sentimento mais poderoso no coração humano e, por isso, precisamos de muitos séculos para aprender a viver o amor, o inigualável quinto elemento. Coisa que os animais buscam ensinar aos homens, que insistem em não aprender.

Na narrativa há uma intercalação de tempo, em determinados momentos isso foi muito útil para compreender o motivo de alguns sentimentos e ligações entre os personagens. Como eu ainda não tinha lido histórias onde seres mágicos reencarnam e possuíram carmas, demorei um pouco para ser envolvida e convencida sobre este fato, mas nem por isso o romance deixa de ser menos bonito.

Ao ler a sinopse comecei a sentir uma necessidade enorme de ler tal obra, e talvez por ter criado tanta expectativa acabei me decepcionando um pouco. Eu imaginava um Destroc mais mau do que foi realmente descrito no livro, na minha imaginação magos negros devem ser terríveis e causar medo aos que o cercam, mas não foi bem isso que eu vi. Tudo bem que ele não era nenhum exemplo de bondade, mas também se entregou muito rápido, não houve aquela batalha épica onde o lado bom usaria de toda sua força para render o lado mau.

A mensagem que o livro passa é muito bonita e acredito que por este motivo todos deveriam lê-lo. É incrível como o amor e a vontade de ser melhor faz com que a vida dos seres humanos, ou até mesmo dos seres mágicas, sofram enormes mudanças. A maldade está dentro de nós, então caso queiramos melhorar, devemos ter força e determinação para lutar contra os monstros que alimentamos todos os dias.

A insegurança destrói todas as possibilidades reais de felicidade, mesmo que a felicidade para os humanos seja algo tão passageiro, porque eles rapidamente mudam o foco de seu desejo.

1 comentários

Comentários
1 Comentários
  1. Poxa, sem batalha épica? Mas é o que eu mais amo nesse estilo de livro! :/ desanimei um pouco, mas ainda planejo ler. Uma pena que as expectativas tenham te atrapalhado, odeio quando isso acontece.

    Beijos
    http://escolhasliterarias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir