[ RESENHA - FILME ] - SE ENLOUQUECER, NÃO SE APAIXONE

Publicado por 31.1.14

 

Sinopse :
Craig, um menino de 16 anos (Keir Gilchrist), estressado com as demandas de ser um adolescente, com problemas escolares e emocionais, se interna em uma hospital psiquiátrico. Lá ele descobre que a ala dos jovens está fechada — e se encontra preso na ala adulta. Craig passa a conviver com adultos que possuem diversificados problemas mentais — incluindo Bobby (Zach Galifianakis) o qual se torna mentor de Craig durante sua estadia na clínica —, e se apaixona por uma paciente um tanto desequilibrada, da mesma idade, chamada Noelle (Emma Roberts).

Quando vi o título do filme logo pensei que seria uma comédia romântica, dessas que o fulaninho se apaixona pela fulaninha, ele acaba fazendo besteira e o resto do filme corre atrás para consertar a burrada, mas não foi assim e acabei sendo surpreendido! O filme começa com o Craig em um sonho psicótico em que tenta pular da ponte, mas sua família na outra ponta só questiona se ele já decidiu quem vai ficar com a sua bicicleta, logo corta para cena onde Craig chega na emergência do hospital empurrando sua bicicleta, falando para atendente que quer se matar, a mesma não dá importância para o jovem e manda ele preencher um formulário. 




De cara podemos observar narrativas do protagonista em flashbacks sobre sua vida fora do hospital psiquiátrico. Craig se depara com um médico estranho, barbudo, descabelado que o olha dos pés à cabeça, curioso sobre o motivo que levou o garoto até a emergência do hospital em pleno domingo e com conselhos estranhos para um médico. Neste momento ocorre o primeiro contado entre Craig e Bobby, que é interpretado pelo inconfundível Zach Galifianakis, o co-protagonista que mais a frente se torna “mentor” do jovem durante sua estadia no hospital psiquiátrico. Quando indagado sobre seus problemas, o mesmo não sabe responder ao médico quais são, mas em uma narrativa em paralelo ele consegue descrever claramente quais são alguns de seus problemas.



Craig sofre com as pressões de um adolescente, que ao decorrer do filme se tornam claras. O jovem estuda em uma escola pública de ponta, tem amigos e colegas super dotados enquanto ele se considera apenas mais um simples aluno, sem grande capacidade intelectual. Enquanto os pais o pressionam para se tornar um homem bem sucedido financeiramente, com uma carreira acadêmica exemplar, o jovem se vê obrigado a agradar a todos, mesmo se este não for seu desejo.


No hospital podemos observar pessoas de todos tipos entre o Staff e os pacientes, vários personagens ficam marcados entre eles Smitty (Jeremy Davies) que é facilitador, a simpática  Dra. Minerva (Viola Davis), Muqtada (Egípcio de meia idade, colega de quarto de Craig) Johnny, Humble, Salomon que também são pacientes, Bobby e Noelle junto com Craig são os principais personagens. 



O filme, que em alguns momentos é narrado pelo próprio protagonista, deixa clara a visão da vida das pessoas em tratamento psiquiátrico. Em determinados momentos apresentou alguns dramas e em outras me fez rir. A proposta do personagem ter se internado para tentar se curar, se mostrou útil não apenas ao protagonista, mas para aos que estavam ao seu redor de alguma forma.




Recomendo o filme. Em uma escala de 0 a 10 dou um 8,5. Inteligente, divertido e um pouco emocionante. A proposta da comédia dramática caiu bem para o roteiro.




Curiosidade :  O jovem autor e escritor americano Ned Vizzini, conhecido pelas histórias de comédia e por ter uma de suas obras como base para o filme "Se enlouquecer, não se apaixone”, com Zach Galifianakis, cometeu suicídio. Ele tinha 32 anos e sua morte foi confirmada dia 21/12/2013.Vizzini era depressivo e escrevia livros com franqueza e humor sobre as suas lutas contra depressão. (fonte:Globo.com)

8 comentários

Comentários
8 Comentários
  1. Oi, Mayco!
    Não conhecia esse filme, mas fiquei bem curiosa, achei diferente a proposta. Sem dúvidas, darei uma pesquisada, curti bastante o elenco e a história!

    Beijo,
    Sofia - Lendo de Tudo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sofia ! legal que tenha se interessado ! espero que goste do filme ! ;)

      Excluir
  2. bem legal, beijos
    Já estou seguindo :)
    livro-azul.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beijos para vc tbm Lucas Gilmar ! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  3. Olá, adorei o que você escreveu sobre o filme!
    Assisti há algum tempo já e gostei muuuito, o filme é muito bom. E gostei particularmente daquela hora do Under Pressure, adoro essa música também. hehehe
    Beijos, Lery. :D
    lerissakunzler.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lerissa, legal que compartilha do mesmo sentimento pelo filme !

      abraço !

      Excluir
  4. Eu vi o filme só por causa do Zach e por causa disso acabei esperando uma comédia. Ok, não é tão engraçado quanto eu esperava, mas foi uma boa distração. ^^

    Bj (vai mandar bj p mim também? hahah)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alessandra, você não teve opção ! eu escolhi o filme ! kkkkkkk

      e não posso mandar beijo ! minha namorada é braba ! ;)

      <3

      Excluir